Doria usa dinheiro Público para pagar jornalistas que atacam Bolsonaro.

Os ataques da jornalista Vera Magalhães ao Presidente Jair Bolsonaro, revelou uma rede de corrupção institucionalizada.

O deputado Estadual Douglas Garcia revelou que apesar de contratada pela Fundação Padre Anchieta, Vera Magalhães não aparece no Portal Transparência.

A fundação Padre Anchieta é um órgão público, toda a contratação deve ser realizada mediante concurso público, e em caso de Pessoas Jurídica, licitação.

Inclusive o regulamento de contratações diz que Jornalistas serão contratados mediante Concurso Público:

” ARTIGO 3º – Cada Processo Seletivo terá suas especificidades,
objetivando atender às necessidades do perfil da vaga respectiva e,
inclusive, às disposições legais referentes às profissões
regulamentadas de Radialista e Jornalista (Leis 6.615/79 e 972/69,
respectivamente)”

Só no ano de 2019 a TV Cultura recebeu mais de 96 milhões de reais do Estado de São Paulo (R$ 96.706.778,00)

A constatação é gravíssima, são 96 Milhões de reais sendo gastos com jornalistas, que não tem o minimo de transparência, e que por sinal foram contratados de forma ilegal.

É bem provável que o Judiciário que costuma blindar o PSDB chancele mais essa ilegalidade.


RICKGARCIA_Oficial

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Crie um site ou blog no WordPress.com

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: