”Tiraram o Lula da cadeia para ele ser presidente na fraude” Diz Bolsonaro

O presidente Jair Bolsonaro (sem partido) voltou à carga, nesta quinta-feira (1º/07), contra o voto eletrônico. A justificativa de Bolsonaro, dessa vez, já que é a favor do voto impresso desde sempre, é o virtual candidato a presidente em 2022, o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, que já admitiu se candidatar no ano que vem.

“Tiraram o Lula da cadeia, tornaram elegível, para ele ser presidente na fraude. Isso não vai acontecer”, afirmou o presidente em conversa com apoiadores, na portaria do Palácio da Alvorada. (veja vídeo completo acima)

Antes da declaração, Bolsonaro atacou e ameaçou os ministros do Supremo Tribunal Federal (STF)

Para o presidente, há conluio entre o Tribunal Superior Eleitoral (TSE), o STF e o petista para fraudar as eleições no ano que vem. E Bolsonaro vai mais longe, afirmando que essa armação ilícita atingiria também as eleições para governadores.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s