Senadores recorrem ao STF por prorrogação da CPI da Covid

Com a manifestação de Rodrigo Pacheco (DEM-MG) de que só vai analisar a prorrogação da CPI da Covid após os 90 dias iniciais de trabalho , os senadores Alessandro Vieira (Cidadania-SE) e Jorge Kajuru (Podemos-GO) acionaram o Supremo Tribunal Federal (STF) para que a Corte obrigue o presidente do Senado a antecipar a medida.

Vieira e Kajuru alegam que Pacheco “mais uma vez externa a patente intenção de descumprir tanto o Regimento Interno do Senado Federal quanto a medida cautelar concedida em decisão colegiada desta Suprema Corte” pela continuidade dos trabalhos da Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI).Continua após a publicidade

A CPI precisa da assinatura de pelo menos 27 senadores para ser prorrogada. Até o momento, 34 senadores já defenderam o requerimento de prorrogação dos trabalhos, sete a mais do que o exigido.

Segundo os senadores, Pacheco “adota postura manifestamente refratária ao deferimento da postulação apresentada pela minoria parlamentar”.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s