O Jornalismo independente é vítima de censura por parte do Prefeito Orlando Morando.

Ricardo Garcia

No exercício da Liberdade de Expressão amparada na Constituição Brasileira, venho expressar minha indignação, e caso, meus caros leitores, se esta publicação for censurada, já se pode dizer que São Bernardo do Campo vive em um Estado de exceção.

Muitos de vocês que acompanham-me neste site e em outras mídias sociais, sabem do meu compromisso com a verdade e que o prefeito Orlando Morando já é recordista em processos contra cidadãos.

Não há outro sentimento a não ser considerar-me vítima do prefeito Orlando Morando (PSDB). Já fui condenado pela Justiça a indenizar o prefeito Orlando Morando, pasmem vocês, o Juiz entendeu que atribuí operação que sacudiu o município de Registro e que indiciou àquele prefeito, indevidamente ao prefeito Orlando Morando.

O objetivo não é acusar ninguém, mas faça você uma pesquisa no google ” operação merenda prefeitura de registro ” e procure saber em qual operação o prefeito Orlando Morando foi indiciado e denunciado por peculato, corrupção passiva, formação de quadrilha e fraude em licitações e em qual operação o prefeito de Registro foi indiciado.

Mais recentemente a Justiça eleitoral determinou que eu retirasse uma publicação do site, vocês já devem saber qual é.

Inclusive mesmo o processo não estando em segredo de Justiça, fui censurado e não posso noticiar o que a justiça eleitoral decidiu e sobre o que ela decidiu.

Mais recentemente a Coligação do prefeito Orlando Morando me processou utilizando os mesmos advogados que ele utiliza para processar os munícipes a qual noticiei com exclusividade sobre a sócia deste escritório de Advocacia que havia sido contratada na prefeitura.

Fui processado por desviar verba da merenda ? Não, apenas noticiei que o prefeito Orlando Morando havia sido processado junto à prefeitura por invadir propriedade privada usando amizades da DERSA, pois é isso que quem processou alega, consta na ação o nome de Orlando Morando, e no dia da consulta constava o nome dele, porém por algum motivo desconhecido por mim, o nome dele foi retirado da busca do site do Tribunal de Justiça e que agora ele alega que não foi processado.


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s